Cara de um, focinho do outro


Autor: Marcos Fernandes Ano: 2015 / Páginas: 192
Idioma: português 
Editora: Butterfly
Ao se deparar com esse livro, você pode facilmente achar que é um romance, sabe aqueles fofos que passam a tarde? Mas não é! Eu achei que encontraria histórias emocionantes de animais e seus tutores, o que também não aconteceu, mas acabou me surpreendendo positivamente, o livro é uma analise sobre a relação entre nós humanos e nossos animais de estimações, sobre nossa influência sobre eles e traz forte reflexões e revelações sobre o assunto. Um livro bem interessante. 

Está cada vez mais notável o papel que os animais de estimação vem assumindo dia após dia na nossa sociedade, os seres humanos estão substituindo as relações com outras pessoas por relações com esses serzinhos amáveis. O que garante menos decepções, amor incondicional e que gera uma sobrecarga nada aconselhável aos animais que acabam sendo humanizados, o que não é nada positivo.

Nós como os tutores não percebemos o mal que podemos causar, colocando a responsabilidade enorme de suprir nosso vazio e nossas carências. Relações humanas são muito necessárias, relação homem animal deve ser tratada como tal, confundir o papel de cada um nessa história é altamente prejudicial para ambas as partes. O livro trata isso de forma clara, a "humanização" dos animais.

Outros assuntos abordados são inconsciente coletivo e campos mórficos, algo que eu desconhecia completamente e me deixou extremamente curiosa. Você já se perguntou como seu cachorrinho sabe quando você vai chegar em casa? Como sempre encontram o caminho para casa? Ou ainda, acabam desenvolvendo doenças parecidas com a de seus donos? E como alguns animais e seus donos são literalmente cara de um, focinho de outro? O livro traz todas essas respostas. Aborda vários temas, e de forma bem compreensível.



Gostaria de ressaltar o quanto gostei da forma que o autor abordou no final do livro o tema sobre abate de animais para consumo e maltrato dos mesmos desde o inicio de sua criação, um assunto que precisa ser debatido. Principalmente sobre essa nova visão que o livro traz. 

O livro é uma publicação da Editora Butterfly a edição está caprichada, imagens lindas nas passagens de capitulo, diagramação impecável, capa lindíssima, a leitura é bem confortável, fonte grande e capítulos curtos.  Algumas passagens sobre os estudos foram meio repetitivas, essa foi a única ressalva sobre o livro. Recomendo para todos os tutores de animais, para quem pretende adotar um animal de estimação e para pessoas que querem saber mais sobre o assunto. Um livro completo.



Sinopse: Quem nunca teve um animal de estimação e compartilhou com ele os momentos mais incríveis de sua vida? Um segredo, uma alegria, uma dor...
Pois é sobre essa relação amorosa entre os tutores e seus animais de estimação que trata este livro. Uma relação antiga, mas que em momento algum da história da humanidade foi tão intensa. 
Muitos dizem que o animal é o espelho de seu tutor. Mas o que faz com que essa relação seja tão forte? Existe alguma energia que os une? O que a ciência fala sobre essa união?
“A fidelidade que os animais dispensam a seus tutores humanos é indescritível, pois resgatam a pessoa das regiões mais sombrias de seus problemas e angústias, motivando a vida a seguir seu curso novamente”, explica o autor, que também é veterinário e psicanalista.
Descubra mais sobre essa relação de amor e fidelidade que ultrapassa o tempo e a razão. Você vai se surpreender.

30 comentários

  1. Verdade, muitas pessoas confundem a relação humano animal, tentado supri as
    necessidades.
    A animais de estimação são bons amigos.
    bjs

    ResponderExcluir
  2. Interessante! É justo hoje é dia dos animais. :)

    ResponderExcluir
  3. Deve ser realmente um livro muito bom. Pela resenha fiquei com vontade de ler.

    ResponderExcluir
  4. Quem tem ou teve animais sabe dessa ligação com eles ne?
    Fiquei com vontade de ler também.
    bjs
    Lele

    ResponderExcluir
  5. Adorei, parece ser muito interessante! Estava buscando uma dica para um presente e acho que encontrei :)
    bj,
    Alê

    ResponderExcluir
  6. Já ouvi falar muito bem dessa história, principalmente por ter animais no enredo. Eu amo tramas que funcionam dessa maneira, e sua resenha salientou bem quais são as principais características. Quero ler, com certeza.
    Obrigada pela dica!
    Beijos, Fer

    ResponderExcluir
  7. Oi! Tudo bem?

    Nossa... Eu achava que era um livro todo fofinho! Mas fico feliz que não seja, pois há de se problematizas as coisas do mundo SIM! E fiquei super contente que o autor trata da questão de abate e maus tratos contra animais. Quem sabe assim ele não muda a visão de muita gente, né?! :) Espero que assim seja.

    Beijos,

    Juliana Garcez | Livros e Flores

    ResponderExcluir
  8. É realmente pela capa pensei em um livro que falava de um cachorro bem arteiro, mais fiquei impressionada em saber que fala sobre esses assuntos, o que toda certa faz grande diferença para nós que temos animais de estimação.

    ResponderExcluir
  9. Olá Aline!
    É a segunda resenha que vejo desse livro,ambas positivas,apesar da abordagem mais técnica, o que achei uma bem interessante. O tema abordado causa interesse em muita gente, o que pode torna o livro uma boa dica de leitura.
    Bjs!

    http://porlivrosincriveis.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Oi!
    Eu também imaginei que fosse um romance, mas pela sua resenha deu para perceber que o livro está longe disso... Gosto muito de animais, mas concordo com a visão do autor que a humanização deles não é saudável, sem contar que fiquei curiosa sobre os outros temas que o livro aborda. Gostei bastante da indicação!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  11. Oi!!


    Sua resenha está muito boa, gostei. Agora ao se falar do livro o mesmo parece ser emocionante, o fato de conscientizar sujeitos para se submeterem a sentimentos mais humanitários com seus bichinhos de estimação e a descoberta de informações cientificas sobre animais só acrescenta a excelente impressão que tenho dessa obra. O exemplar me encantou, realmente fiquei com o gostinho de saborear essa páginas. Beijos!

    ResponderExcluir
  12. Oie, eu nunca tive um animal de estimação e confesso que não desejo ter. Mas tenho amigas que além de ter, são mega engajadas e comunidades de defesa dos animais e eu acho que este livro aqui seria um presente perfeito para várias delas. Amei a dica!!!
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
  13. Olá

    Já tinha visto esse livro e como amante dos animais fiquei empolgado para ler, agora sabendo que fala sobre abata de animais me deixou a impressão do livro sem mais profundo do que aparenta ser, e realente esse é um assunto que precisa ser debatido.


    Everton Equipe Rillismo
    rillismo.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  14. Olá, sabe que eu sempre vejo resenhas desse livro e já estava muito animada com ele, vendo a sua resenha agora me animou mais ainda. Eu sou suspeita de falar pois amo esses nossos amigos de quatro patas, sinto que esse livro é lindo!

    Beijos

    http://lovereadmybooks.blogspot.com.br/2016/03/resenha-ilha-das-sete-luas.html

    ResponderExcluir
  15. Que legal o livro! Nunca imaginaria que um animal poderia ficar sobrecarregado ao cumprir tarefas por exemplo, de suprir o vazio. Adorei a resenha, pela capa achei que seria um livro tipo o filme "Para Sempre ao seu lado", mas parece que é bem diferente. Com certeza é um livro ótimo para quem tem animais de estimação!
    Beijos.
    http://virandoamor.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  16. Ótima resenha, parece emocionante, eu vou presentearam uma pessoa com esse livro acho que vai amar! Obrigada pela dica

    ResponderExcluir
  17. inconsciente coletivo e campos mórficos Desconheço também ehehheehhe
    Eu realmente já me perguntei como esses bichinhos amados sabem que estamos chegando, meu gato e meus cachorros sabem que estou chegando antes deu dobrar a esquina da minha rua, já notei isso também quando meu marido está chegando e eles já correm para fora ou ficam na porta esperando, seria interessante ler esse livro.
    Eu realmente adorei a premissa e a capa AAAA QUE LINDA

    ResponderExcluir
  18. Pelo jeito eu vou amar ler esse livro...tenho uma linda York que faz parte da minha família!!
    Bjs

    ResponderExcluir
  19. Oiii Lila, sua linda <3
    Eu amei a sua resenha diante desse livro lindo mesmo, sempre direta e objetiva e conseguindo me conquistar assim. Diante disso, eu achei bem fofo este livro e fico feliz que não seja aquelas leituras enroladas que nos cansam a cada página lida. A edição está realmente impecável.
    Beijão

    ResponderExcluir
  20. Hi baby, tudo bem? bom saber que o livro não é um romance onde o cãozinho morre no final... perdi o meu há algum tempo e estou passando longe desse tipo de leitura! gostei do assunto abordado, as vezes humanizamos demais nossos animais! vou ler e espero não chorar hehe

    Lilian Valentim
    http://speakcinema.blogspot.com.br/
    beijinhos

    ResponderExcluir
  21. Ah, parece linda a história.
    Imagino a ligação entre os animais e os humanos, apesar de nunca ter tido um.
    Bjus.

    ResponderExcluir
  22. Oie!
    Eu ainda não tive a oportunidade de ler o livro, mas a colunista do blog, que é apaixonad apor animais, fez a leitura e adorei os temas abordados pelo autor. Ela ficou por dias falando sobre o livro, e o quanto ela agora conseguia entender dos animais dela. É uma ótima indicação.
    Bjks!
    Histórias sem Fim

    ResponderExcluir
  23. Olá, tudo bem?

    O livro me parece bem lindo e emocionante. O cachorro é o melhor amigo do homem, impossível não se encantar com a obra.

    Beijos,
    Daiane | Cheiro de Livro Nacional

    ResponderExcluir
  24. Oi,
    Esse é um dos livros da Butterfly que eu me abstive de ler porque não sabia se eu iria curtir essa abordagem mais técnica em relação à relação Animal - Tutor, pois não estou no momento ideal para esse tipo de leitura.
    Ainda assim, eu acredito que essa seja uma leitura muito legal e importante principalmente para as pessoas que estão mais abertas a tentar entender melhor do assunto e que amam os animais, beijos

    ResponderExcluir
  25. Oi Aline!
    Olhando a capa achei que seria mais uma história no estilo "Marley e Eu",por isso fiquei bastante surpresa ao saber pela sua resenha do conteúdo técnico que ele possui. Ainda assim achei extremamente interessante essa reflexão que ele faz acerca da humanização dos animais, algo realmente existente hoje em dia.
    A proposta é muito boa e eu acredito que o cão se identifique com o dono e transmita um pouco dele, é convívio e troca de experiencia. Eu sou apaixonada por gatos e esses dias estava lendo as características dos gatos e me dei conta que eu e os bichanos temos muito em comum!
    Quero ler pra ontem! Beijos!

    ResponderExcluir
  26. Acho que essa questão da humanização dos animais de estimação é algo muito sério, pois eles nos dão tudo o que podem, mas não podem ser humanos. Adorei o livro, gosto muito desse tipo de leitura que reflete sobre o comportamento humano e, nesse caso, gostei mais ainda porque trata da relação com os animais. Ótima dica!

    Tatiana

    ResponderExcluir
  27. Olá!! :)

    Não costumo ler muitos livros de reflexão e do género, que não são muito o meu estilo... Provavelmente, vou abrir uma exceção para este, que é sobre animais e a relação com os humanos, temas que me interessam (embora não tenha nehum!! rsrs) :)

    Estou de acordo com a tese que defende que os pobres animais estão a ser "humanizados"; há um primado da relação humano-animal, em detrimento da humano-humano... Devem ser ambas utilizadas (e no seu equilíbrio!) Os animais levam com os problemas dos humanos "em cima do pelo" e isso não é nada bom para eles!! :)

    Gostei do facto de serem abordados alguns assuntos que desconheço por completo (esses "palavrões"...). Parece-me um livro completo (e adoro a capa!)


    Boas leituras!! ;)
    no-conforto-dos-livros.webnode.com

    ResponderExcluir
  28. Que linda resenha Lila! Fiquei feliz com suas palavras. Enviei hoje meu pedido para ler este livro, espero poder ler em breve. Ainda mais agora que você confirmou minhas expectativas! =D

    Um abraço!

    ResponderExcluir
  29. Olá!!

    Gostei saber que esse livro trás essa parte mais "técnica" da coisa, não pensava em ler por achar que teriam histórias de animais.
    Me diz uma coisa, o autor trata um pouco da espiritualidade dos animais nele? Pois pela editora ter base espirita, fiquei na dúvida.

    Bjus
    Blog Fundo Falso

    ResponderExcluir
  30. Olá!

    Já tinha lido outras resenhas sobre esse livro, e apesar dele ser diferente do que eu idealizava, achei a premissa intrigante. Não tenho o hábito de ler livros sobre animais de estimação, acredito que nunca li nenhum, mas acho que seria um bom entretenimento.

    Beijos,
    entreoculoselivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Topo