Melhor amiga das palavras

Por Ingrid

Quem disse que eu não posso ter meus devaneios? Ao invés de uma resenha de um livro hoje vim fazer uma resenha da vida. Da minha, talvez. Fato é que eu preciso escrever. Escrever para lembrar, já li isso em algum livro. 

É necessário escrever para colocar tudo para fora, todos os sentimentos que aprisionam nos momentos mais difíceis. Aquelas palavras que persistem em batucar em nossa mente tarde da noite (naquele momento que você mais precisa dormir). Já aconteceu isso com você?

Na minha vida, e nas minhas noites acontecem direto. Eu preciso dormir, mas preciso escrever. Que vontade louca de levantar da cama e fazer vários posts, terminar minhas crônicas, escrever emails para pessoas que não vemos há muito tempo...
Mas voltando ao fato de resenhar a minha vida, já contei por aqui porque eu amo livros e sou bookaholic (amantes de livros), mas ainda não tinha contado para vocês como eu amo escrever. Quando eu digo isso para as pessoas elas me olham como se fosse óbvio, mas ok mesmo assim eu vou fazer um post para isso.
Em como me sinto melhor amiga das palavras. Desde quando aprendi a ler e escrever pedi ao meu pai um caderno para eu treinar a escrita. Ele todo bobo, comprou e não parou mais. Tive durante os dez anos da minha vida desde que aprendi a escrever (aprendi com 6, to com 16) vários cadernos para treinar. Escrevia de tudo, desde histórias de bruxas e fadas, bem rápidas é verdade (eu tinha uns 8 anos, vamos dar um desconto), até listas de supermercado. Tudo eu queria colocar no papel.


Não quero passar de menina egocêntrica e com vontade de se sentir superior, mas sempre tive ótimas notas em português, redação, literatura, línguas, tudo que me permitia escrever (eu sou uma negação completa em matemática e física de vez em quando vai).

O bom seria se todos nós além do acesso à educação de qualidade tivéssemos acesso a cadernos com pauta e lápis de escrever. Canetas e agendas. Lapiseiras e blocos de anotações. Para em todo e qualquer devaneio conseguir colocar para fora tudo o que passa em nossa mente inquieta. 

A minha pelo menos é, e é exatamente por isso que eu já quero voltar e resenhar mais uns três livros.

12 comentários

  1. Parabéns! Gostar de ler e escrever é uma dádiva. Você está no caminho certo.
    Beijos
    Adri

    ResponderExcluir
  2. Eu e meu marido adoramos ler, e nossa baby está indo pelo mesmo caminho. Bjs

    ResponderExcluir
  3. Sou completamente igual!!! Quanto aos pensamentos tarde da noite. Confesso que fico tentada a levantar mas aí lembro que logo as crianças estarão de pé e que meu dia começará cedo, então resisto.... Sou ótima também em português, redação...Fiz vestibular para Biologia e passei em 3º lugar, a nota de redação me ajudou muito!!!
    Adoro suas resenhas, devaneios, enfim, sua sinceridade!!!
    BJKS

    ResponderExcluir
  4. Também adoro escrever! Principalmente para desabafar... Isso mesmo ,leia, leia muito! ler é tudo de bom mesmo! Parabéns!
    Abraços
    www.20minutospratudo.com.br

    ResponderExcluir
  5. Acho maravilhoso saber que existem adolescentes como você!! Sou professora de português e já tive muita dificuldade em trabalhar a leitura e a escrita no fundamental!!
    Parabéns , continue assim!!

    ResponderExcluir
  6. Querida Ingrid, tb amo escrever... e falar de nós mesmas, falar com outras pessoas, ler, resenhar... é bom demais.
    Continue assim... escrevendo bastante pra gente, bjs

    ResponderExcluir
  7. Quem sabe se libertando totalmente, nasce uma grande escritora.
    bjcas
    www.estou-crescendo.com/

    ResponderExcluir
  8. Ler é manter o cérebro ativo e saudável, mas não pode ser horóscopo ou página policial. Tem que ser leitura de qualidade

    ResponderExcluir
  9. Oi Ingrid, parece que vc descreveu a minha pessoa.
    Amo ler e principalmente escrever, por isso o blog é uma paixão, e assim como vc, as coisas, pensamentos, ideias, devaneios e muitas inspirações vem a qualquer momento e também a noite... Já levantei depois de me deitar ou acordei bem cedo para escrever ou simplesmente anotar algo que não poderia se perder... As vezes começo a escrever algo e só termino dias, meses ou anos depois, ou seja, quando a inspiração vem a tona...
    É muito legal isso... A inspiração vem a qualquer hora, e se a gente não resenhar aquelas palavras, elas somem, como um vento passageiro...
    Adorei suas palavras...
    Bjs
    Ju
    http://www.maesemfronteiras.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Que bom menina!!
    Muita leitura é sinal que vem muitas ideias
    Continue assim e sucessos!!
    Bjus
    http://segredosdaluma.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Nossa que bacana a sua iniciativa de colocar de alguma forma para fora o que você
    sente.
    Tem horas que também sinto essa necessidade, mas de alguma forma sempre me prendo.
    Também tirava ótimas notas em português, literatura e redação.

    Bjos
    http://www.amaedadri.com/

    ResponderExcluir
  12. Ler e escrever é muito bom, eu sempre fazia isso, mas hoje em dia com tantas coisas na vida, a gente acaba deixando de lado! bjo

    ResponderExcluir

Topo