Amor à moda antiga - Fabrício Carpinejar [Resenha]

Em seu aniversário de 43 anos, Fabrício Carpinejar ganhou de presente uma velha máquina de escrever Olivetti Lettera 82 verde-esmeralda. Desde esse dia, ele se dedica a escrever nela poemas de amor e a guardá-los como um inventário de seus sentimentos e emoções ao longo de sua carreira. Pela primeira vez, a Belas-Letras publica esses poemas exatamente como os originais foram enviados à editora, em maços de papel despachados pelos Correios, sem nenhum tipo de correção ortográfica, edição ou retoques, inclusive com as próprias anotações à mão feitas pelo próprio Carpinejar. Todos os textos de Amor à Moda Antiga (inclusive este) foram originalmente escritos em máquina de escrever. O resultado é um livro orgânico, singelo e apaixonadamente imperfeito, exatamente como o amor é. 


Como falar sobre esse livro lindo que me encantou os olhos e a alma? Tenho que confirmar o que está na sinopse, um livro orgânico, singelo e apaixonadamente imperfeito, exatamente como o amor é. Me senti como se tivesse os originais nas mãos, com cada detalhe do momento em que foi escrito. Um livro de poemas, em que cada detalhe soa extremamente poético, e isso não é um trocadilho.



Muito romantismo em um projeto gráfico simples mas diferente de todos os livros que já vi, a Editora Belas-Letras sempre arrasa no projeto editorial de suas publicações, mas tenho que admitir que dessa vez ela se superou. Além da diagramação original dos poemas escrito a maquina de escrever, o verso das folhas são de uma tonalidade de verde linda e delicada, o livro possui uma sobrecapa lindíssima, parece recortada a mão, desconfio que seja! Um trabalho primoroso!

Amor à Moda Antiga
Fabrício Carpinejar
Ano: 2016 / Páginas: 104
EditoraBelas-Letras


Quanto ao Fabrício Carpinejar, eu sou fã desde sempre, ele nunca decepciona! Sabe usar as palavras e tocar o coração dos leitores, a cada novo verso de forma diferente. Uma leitura delicada e rápida, devorei em uma unica sentada as 104 páginas desse livro.



Vocês não imaginam a alegria em ter esse livro na minha estante! Recomendo para românticos, como eu, apaixonados por poemas e para aqueles que ainda não descobriram a beleza das palavras. Não poderia ter livro melhor para começar.


Sem edição.


Espero que tenham gostado, eu estou totalmente apaixonada!

18 comentários

  1. Oi Aline
    Essa obra deve ser incrível, e por mais que o projeto gráfico pareça simples, acredito que deve ser ótimo poder conferir essa coletânea de poemas. Sou fã do trabalho do autor e é claro que pretendo conferir esse título também.

    Beijos, Fer
    www.segredosemlivros.com

    ResponderExcluir
  2. Olá!

    Nossa, eu senti o romantismo, o amor transbordar pela tela só com a sua resenha. É aquele tipo de livro que preenche nossos corações com amor né? Aiai. Eu adorei conhece-lo, não sabia que ele existia e com certeza vou procurar para saber mais, porque né, adoro livros assim e vai ser uma leitura super bem vinda. <3

    beijos =)

    ResponderExcluir
  3. Oi Aline,
    que perfeição, como não apreciar essa relíquia? Eu nem sou fã de poema e fiquei encantada com o trabalho singelo da editora, aposto que os fãs foram a loucura com essa possibilidade de estar tão próximos de uma obra tão crua e com a cara do autor. Gente, é muita prepotência minha querer um exemplar também? Porque eu quero, e quero muito.

    Abçs
    Nosso Mundo Literário

    ResponderExcluir
  4. Oiee ^^
    Eu nunca fui fã de poemas ou poesias, mas ultimamente tenho andado procurando livros assim. Fiquei mega interessada em ler "Amor à moda antiga", principalmente por que já gostei dos poemas nas fotos acima, e porque saber que você gostou me deixou animada. Eu sou uma pessoa mega romântica, então acho que é o livro certo para mim ♥
    MilkMilks
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Olá Aline,
    Que fotos lindas! Estou encantada com elas.
    Adorei conhecer um pouco mais sobre a obra e fiquei bem curiosa em relação a ela. Como curto bastante livros de poesias, vou anotar a dica.
    Outra coisa que curti foi que a edição é simples e bonita.
    Beijos,
    Um Oceano de Histórias

    ResponderExcluir
  6. Oi!
    Quanta empolgação, o livro deve ser realmente maravilhoso. Não sabia da sua existência da obra mas fiquei encantada com todo o amor que ele parece conter e por essa edição simples e linda.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  7. Oii
    Que edição maravilhosa! meu sonho de consumo é ter uma máquina de escrever, mas são tããão caras.
    Eu nunca li em livro de poemas, acredita? Na verdade, é um tipo de narrativa que não me agrada nem um pouco, infelizmente.
    Mas para quem curte, esse livro é um prato cheio.
    beijos

    ResponderExcluir
  8. Eu nunca li nada do Carpinejar mas escuto tantos elogios que tenho muita curiosidade. Eu ainda não conhecia essa obra mas seu post me deixou muito atraída para essa leitura, adorei a dica e achei a capa tão bonitinha.

    ResponderExcluir
  9. A arte gráfica do livro está uma graça e essa simplicidade tem muito a ver com o carpinejar. Adoro a forma como ele escreve, penso e me emociono muito. Amei as fotos que você postou. Tudo lindo!!!
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
  10. Que livro interessante!
    Ai que bom, deve ter sido uma leitura muito agradável.
    Suas páginas devem ter muito amor e a leitura parece ser maravilhosa. Que privilégio ter esta obra na estante, não é mesmo?

    Beijinhos...
    http://estantedalullys.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Olá!! :)

    Ainda bem que gostaste!! Eu nao fazia ideia da existencia deste livro, mas nao fiquei la muito interessado..

    Achei criativo toda essa diferença... Mas nao achei que fosse gostar do livro... :)

    Boas leituras!! ;)
    no-conforto-dos-livros.webnode.com

    ResponderExcluir
  12. Oi
    Sou super fã de Carpinejar, mas ainda não tive oportunidade de ler esse livro. Adoro a poesia romântica e dá para perceber que o formato foi muito caprichado. Que bom que gostou!
    Espero ler em breve!
    Beijinhos
    Rizia - Livroterapias

    ResponderExcluir
  13. Gosto muito de poesias e achi esse livro a maior fofura da face da Terra! Capa em um tom de verde lindo demais, e poesias à máquina!!! Que diferente, bem à moda antiga mesmo! Só pelos trechinhos das fotos dá p ver que o livro é realmente bem escrito e que o autor sabe mexer com nosso íntimo em poucas palavras. Lindeza! ;) Nu.
    As 1001 Nuccias | Curte aí!

    ResponderExcluir
  14. Oi, tudo bem?
    Eu não conhecia o autor... #myshame!
    Achei a proposta do livro incrível, por terem feito da forma que os originais foram enviados, até mesmo eu que não sou uma entusiasta de poemas e poesias fiquei louca para ter o livro aqui, pois está muito encantador!
    Bjs

    ResponderExcluir
  15. Oiii!!!

    Eu leio poucos livros do estilo, mas preciso mudar isso em breve. Sempre leio elogios para o capinejar e imagino que deve ser uma boa.
    Realmente a edição sa editora está liiinda! Adorei.

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  16. Oii
    Super fofo, até mesmo os erros e riscos do autor foram deixados, isso mostra comprometimento, garra e muito amor... e que poemas lindos, amei as fotos, e o modo como a editora deixou as paginas do jeito que elas vieram... não sou muito fã de poesia mas esse é um ótimo livro para presentear o namorado fanico por poesias rs...
    Beijocas...
    https://westfalllivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
  17. Oii, tudo bem?
    Eu estou apaixonada nesse livro, eu estou com ele aqui para resenhar, mas quero fazer algo diferente, sabe? Pois esse livro realmente me conquistou. Mas eu adorei a sua resenha, você expressou tudo aquilo que eu senti.

    ResponderExcluir

Topo