Você já teve empatia?

Por Ingrid

Entender o outro é uma tarefa árdua e precisa ser feita diariamente. Claro, você tem o direito de não fazê-la, mas também terá que sofrer consequências que não precisaria caso pensasse antes de gritar e se aborrecer com o outro.
Também entendo que discutir com pessoas de mente fechada é um tanto quanto cansativo. Desperdiçar seu tempo com quem acredita que é melhor que o outro ou que o outro não sofre nada, aparentemente é pedir para se aborrecer. 

Sem dúvida alguma, é mais prático sofrer porque o outro não está lhe dando a devida atenção ao invés de entender que ele pode estar ocupado com projeto de benefícios pessoais. É mais viável se chatear com a aparente falta de cuidado do outro, ao invés de procurar saber o motivo de seu relaxamento (às vezes o relaxado nem sabe que está sendo assim). É mais interessante colocar a culpa no outro e não se colocar no lugar dele quando este perde seu emprego, acaba um relacionamento ou está infeliz na sua carreira de faculdade.

Entender as relações humanas é sim, complicado, e não sejamos hipócritas é uma tarefa demorada pra mim também. Porém precisamos entender que somos seres em constante mudança, resultado de escolhas e fracassos, e exatamente por isso perceber que o que o outro queria há uma semana atrás pode ter mudado. Como acontece com você e comigo.

Não é errado trocar a rota que queria fazer, mudar de gosto ou de opinião literária. Você está entendendo que a vida é dinâmica e que é normal se adaptar. Normal não, é necessário. 

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Topo