RESENHA 101 profissões fora do comum para pessoas nada normais

Por Ingrid

A Editora Belas Letras nos presenteou com o melhor guia de profissões do ano de 2016. Os irmãos gêmeos Anderson Couto e Emerson Couto conseguiram tranquilizar uma louca (eu) vestibulanda em relação ao mercado de trabalho. 
Eles nos indicam 101 profissões fora do comum para pessoas nada normais. Incluindo guia de turismo exótico, degustador de cerveja, bombeiro e professor. As listas são compactas e hilariantes. O livro é super bem escrito e a diagramação da Bela Letras dá o charme. A capa também se encaixou completamente com o guia.

Este guia de profissões não deve ser levado muito a sério. E é justamente por isso que ele é diferente de tudo que você já leu sobre a escolha de uma carreira. Não é um guia todo certinho, cheio de bases científicas, pesquisas bibliográficas, faculdades estreladas e o escambau. Ele é uma mistura de informação real com ficção e humor. Este livro não é recomendado apenas a você, jovem à beira de um ataque de nervos porque o vestibular está chegando, porra, e você não tem ideia do que quer estudar. A propósito, nem todos os caminhos profissionais passam pela universidade. Este livro é igualmente dedicado a você, um cara mais experiente que, entre um rabisco e outro no guardanapo da mesa do bar, desenha outros rumos para si. Se nem casamento é mais para a vida toda, por que uma carreira seria? Chegou a hora de você se divorciar do seu trabalho sem graça. E descobrir o que te motiva de verdade.

O livro começa com um textículo sobre o motivo pelo qual as pessoas escolhem a profissão errada.
"Porque as pessoas continuam achando que escolher profissão é para o resto da vida e, por isso, morrem de medo de errar e, justamente por medo de errar, elas não correm riscos, e erram.

Porque essa coisa de tomar a decisão certa e não se arrepender depois não tem a menor graça."

Trocando as bases científicas pelas humorísticas, logo depois temos um teste, com alternativas entre A e E, para descobrir qual a nossa motivação na hora de escolher uma profissão. Até porque uma das coisas mais importantes é sabermos qual o motivo que nos leva a buscar tal caminho (além do dom). A única coisa necessária para fazer o teste é prometer ser verdadeiro, mesmo que você queria ser advogado.

Ao terminar o teste você é levado para 101 profissões nada normais, mas descritas de um modo sensacional. 

Temos uma mistura de humor, decência e ótimas lições durante toda a leitura. Ao serem questionados pela Flávia Bergamin qual profissão do livro os autores seguiriam caso não fossem jornalistas, eles até pensaram na possibilidade de "doador top de sêmen", mas pela falta de competência para tal eles escolheram o "personal escritor de mensagens de amor". É, preciso dizer que eles arrasariam. Esses irmãos têm o dom da escrita. 

"Exercitar a criatividade requer consumir literatura, cinema, teatro, música, artes plásticas, novela bíblica na Record. De tudo, sem preconceito. É sair com os amigos, viajar pelo mundo. Ter bagagem cultural hoje em dia é não ter medo de errar. Quer arriscar?"

"Franqueado, em sua essência, é um profissional bipolar. Ora seu sangue empreendedor ferve nas veias, ora ele valoriza a segurança do emprego. Para conciliar as duas coisas, vira dono do próprio negócio, mas tendo por trás o suporte da rede franqueadora."

"Juramento do advogado: não achar que você é um ministro do STF só porque encomendou um terno italiano novo; ter boa reputação pessoal e profissional (evite postar no Facebook selfies em porta de cadeia)"

Essa indicação de livro vai para todas as idades. Vestibulandos, formados, desempregados, empregados, políticos e até empreendedores. Tive que dar 5 estrelas no skoob.
Fico cada vez mais encantada com as edições da Belas Letras.


16 comentários

  1. Menina, tem dias que eu acho mesmo que só sendo muito louco para escolher a profissão que escolhi: professora. hahahahaha Achei hilário ela estar nesse livro! Preciso lê-lo para descobrir as pérolas que eles falam sobre a minha profissão. =D
    Bjss

    ResponderExcluir
  2. Hahahaha adorei a resenha!!! Fiquei curiosa para saber o que tem a respeito da Psicologia (minha profissão) nele...

    Bjss
    www.livrosdabeta.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Oiii Ingrid, tudo bem?
    Menina eu adorei esse livro que tu trouxeste a resenha e adoraria também ter a oportunidade de realizar a leitura, além do mais a sua resenha ficou incrível e quero ler mesmo.
    Beijnhos

    ResponderExcluir
  4. Oi Ingrid tudo bem? Pelo titulo eu não leria essa obra, mas a sua resenha faz ele parecer bom e divertido. Vou procurar minha profissão nele também. hehehe
    http://www.facesemlivros.com/

    ResponderExcluir
  5. Olá! Olha, achei muito divertido esse livro! haha Quando eu vi que era sobre profissões, logo pensei "ah, mas já estou me formando, não preciso saber qual profissão escolher". Mas depois de ler sua resenha, senti vontade de ler só pra rir muito! haha Obrigada pela dica! ;)
    Beijos!

    ResponderExcluir
  6. Não me interessei pelo livro, por isso vou passar a dica. Quem sabe e daqui a uns 2 anos eu mude de ideia, pois será época do filho escolher uma carreira :)
    Bjs

    ResponderExcluir
  7. Nossa, ameeeei a proposta do livro! KKKKK Só por essa página "estude os fãs do Bolsonaro! já vi que é um arraso!
    Parece ser bem divertido, já quero!

    ResponderExcluir
  8. Oi, tudo bem?

    Nossa, eu a-m-a-r-i-a esse livro. Estou prestes a me formar na faculdade (jornalismo) e, ainda assim, quero muito continuar os estudos, fazendo mais graduações (design gráfico e escrita criativa) e uma pós (escrita criativa). Essa coisa da gente entrar num ramo e depois se arrepender tem de muito, eu, inclusive, tô passando por isso dentro do meu curso. Não que esteja realmente arrependida, mas tenho percebido que o caminho que a faculdade ensina não é o que quero nem como profissional, nem como ser humano. Infelizmente, as faculdades oferecem muito pouco e não apostam nos reais potenciais dos alunos. Na sexta-feira, fui a uma palestra sobre freelancer, coisa que quero muito começar a fazer paralelamente à minha profissão, e a verdade é que a vida é bem isso: não adianta a gente querer se encaixar em uma só coisa, porque temos interesses e aptidões variadas e em muitas áreas. O humor do livro me chama atenção - os quotes já provam que são bem engraçados - e adoraria lê-lo numa hora livre :)
    Ah, acho que nenhuma profissão é, realmente, fora do comum. Tudo depende do que o mercado e as pessoas precisam, né. Se tem público pra tal coisa, então, não é fora do comum ;P

    Love, Nina.
    http://ninaeuma.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  9. Oi Ingrid
    Adorei o dica
    Eu adoro os livros desta editora, são lindos e bem produzidos! Muito interessante! Já foi pra lista de desejados
    Bjks mil

    www.maeliteratura.com

    ResponderExcluir
  10. Olá =)
    Eu não conhecia o livro. Ele parece ser bem fora do comum. E bom quando já sabemos o que queremos e assustador as vezes quando não sabemos. Me interessei pelo livro. Beijos'

    ResponderExcluir
  11. Eu adoro livros assim, descontraídos com assuntos atuais, e de forma simples aquela dúvida que surge acaba sendo esclarecida, por que eu sempre gosto de pesquisar sobre uma profissão, tenho uma pessoa perfeita para indicar esse livro. Bjkas

    ResponderExcluir
  12. Olá!
    Achei o livro muito interessante, porque assim podemos conhecer várias profissões diferentes e com isso quem sabe, nos achar. Adorei essa dica e quando eu me deparar com o livro na livraria com certeza irei comprar.
    Beijos.
    http://arsenaldeideiasblog.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  13. Olá Ingrid, adorei conhecer mais sobre essa obra. Parece ser uma ótima leitura. Parabéns pela resenha!

    Abraços

    ResponderExcluir
  14. Adorei conhecer esse livro. Amo esses livros construtivos misturados com diversão, afinal escolher profissão é coisa série pra vida inteiro, mas brincar com isso é melhor ainda haha
    Beijos,
    https://diariasleituras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  15. Olá!

    Confesso que esse tipo de livro, atualmente, não me interessam, mas é, de fato, uma ótima indicação para quem está indeciso, conhecer as profissões é bem legal e importante.

    Beijo!
    Ana.

    ResponderExcluir

Topo